∴ Diogenes Bandeira - Consultor de Segurança Eletrônica ∴

∴ Diogenes Bandeira - Consultor de Segurança Eletrônica ∴

O maior metrô do Brasil instalou 1000 câmeras e codificadores Axis em 50 estações e dentro das composições.


Missão
Maior do Brasil e segundo maior da América Latina, o metrô de São Paulo transporta mais de três milhões de passageiros por dia. Durante a Copa do Mundo, a Linha 3 - Vermelha, que vai para o estádio, seria muito utilizada pelos torcedores. Com a proximidade do maior evento esportivo do mundo, o projeto de melhoraria do sistema de videomonitoramento foi acelerado.

Solução
Inicialmente, foram instaladas cerca de 400 câmeras IP da Axis Communications e 600 codificadores de vídeo da Axis para converter em digital o sinal de câmeras analógicas, cobrindo áreas de circulação e plataformas em três linhas. Além disso, algumas das novas composições já contam com câmeras Axis dentro dos vagões, protegendo os passageiros também no percurso entre as estações.

Resultado
A solução tem se provado fundamental para resolver os distúrbios rapidamente – a arquitetura centralizada do sistema permite que os operadores do Centro de Comando central acionem os responsáveis pela segurança nos primeiros momentos de um incidente, permitindo uma gestão mais inteligente e eficiente desses profissionais.


“ Com o mundo inteiro assistindo, precisaríamos de acesso rápido às câmeras e reconhecer de imediato desde indivíduos que estavam tentando entrar no estádio até mesmo atos criminosos.”
Adriano Oliveira dos Santos, Engenheiro especialista da Companhia do Metropolitano de São Paulo - Metrô SP.


Busca rápida
A Companhia do Metropolitano de São Paulo - Metrô opera cinco das seis linhas de metrô na cidade e tem 61 estações, por onde passam 4,6 milhões de passageiros por dia. Em cada estação, há três interruptores interligados por dois anéis ópticos Gigabit Ethernet. Cada estação tem monitoramento local pelo atendente por meio de câmeras específicas dentro dessa estação, permitindo uma resposta imediata a qualquer incidente em nível individualizado. Toda essa movimentação é visualizada num Centro de Comando. As imagens são analisadas por doze operadores e seis administradores em tempo real. Lá, a equipe visualiza a operação de segurança do metrô com imagens geridas pelo software da Intelligent Security Systems (ISS), parceira da Axis. Segundo Adriano Oliveira dos Santos, Engenheiro especialista da Companhia do Metropolitano de São Paulo,

“a solução ISS Face Recognition nos permitiu automatizar 
os procedimentos de segurança em conjunto com a 
aplicação da lei para garantir o máximo de segurança 
para os nossos visitantes e cidadãos”.

A solução implantada teve impacto imediato. Várias pessoas já foram detidas por atividade criminosa no metrô, principalmente devido à capacidade de buscar e localizar rapidamente as atividades no sistema de videovigilância.


Fonte: Axis Communications.
Edição: Diogenes Bandeira - Consultor de Segurança Eletrônica.
Blog: Diogenes Bandeira
O maior metrô do Brasil instalou 1000 câmeras e codificadores Axis em 50 estações e dentro das composições. O maior metrô do Brasil instalou 1000 câmeras e codificadores Axis em 50 estações e dentro das composições. Reviewed by Diogenes Bandeira on 14:47:00 Rating: 5

Nenhum comentário:

Pixel Segurança Eletrônica

Pixel Segurança Eletrônica
Tecnologia do Blogger.