∴ Diogenes Bandeira - Consultor de Segurança Eletrônica ∴

∴ Diogenes Bandeira - Consultor de Segurança Eletrônica ∴

PocketHound custa US$ 500 e possui antena integrada multibanda capaz de identificar celulares em ação.

As inovações que a tecnologia traz podem representar uma verdadeira mão na roda. O ato de colar numa prova, algo tão antigo e clássico, também se inovou com o tempo, pois não há atalho melhor do que smartphones para desdobrar secretamente a informação necessária. Mas isso pode acabar: o dispositivo PocketHound, lançado pela Berkeley Varitronics, é capaz de detectar smartphones em ação.

Trata-se de um aparelho portátil que vibra e pisca sempre que houver a transmissão de sinal de algum smartphone dentro do raio de alcance – o que seria um indicador de que alguém está usando o celular. Portanto, o professor pode saber quem realmente desligou o celular antes de uma prova.

A bateria do PocketHound tem duração de duas horas. O aparelho, pasmem, custa a bagatela de US$ 500. Uma antena integrada multibanda acompanha o dispositivo e fica escondida sob o rótulo para não gerar desconfiança.

O receptor do PocketHound escaneia todas as bandas de smartphones que estiverem dentro do raio de alcance e utiliza um sofisticado algoritmo que detecta sons emitidos por frequência de rádio para distinguir as atividades feitas em celulares dos barulhos do ambiente (poluição sonora externa, por exemplo).

Curioso, não? Facilita a vida dos professores.
Por: Bruno Micali.

PocketHound custa US$ 500 e possui antena integrada multibanda capaz de identificar celulares em ação. PocketHound custa US$ 500 e possui antena integrada multibanda capaz de identificar celulares em ação. Reviewed by Diogenes Bandeira on 02:24:00 Rating: 5

Nenhum comentário:

Pixel Segurança Eletrônica

Pixel Segurança Eletrônica
Tecnologia do Blogger.