∴ Diogenes Bandeira - Consultor de Segurança Eletrônica ∴

∴ Diogenes Bandeira - Consultor de Segurança Eletrônica ∴

100 carros da Polícia Militar circulam com câmeras de vigilância no Rio de Janeiro.

Cem carros da PM já circulam pelas ruas do estado do Rio de Janeiro com um novo sistema de câmeras de vigilância. Os equipamentos estão sendo testados em São Gonçalo e Niterói, na Região Metropolitana, como mostrou o RJTV. A instalação do sistema faz parte de um projeto de lei aprovado pela Assembleia Legislativa do Rio em 2009, para instalar câmeras em todos os carros da Polícia Militar para registrar as conversas e as ações dos policiais. O governador Sérgio Cabral disse que existem outras prioridades na área de segurança e vetou o projeto. "A ideia é ótima, é muito boa, o problema é que a gente tem um cronograma de investimentos", disse Cabral. Os deputados estaduais derrubaram o veto e a lei entrou em vigor. Já há experiências sendo executadas em Santa Catarina. Nos Estados Unidos, há mais de uma década as câmeras mostram todo o trabalho dos policiais e as perseguições a criminosos. Um exemplo da utilidade dessa tecnologia para a resolução de crimes foi o caso do assassinato de Evandro João da Silva, coordenador do grupo AfroReggae, em 18 de outubro de 2009. As câmeras de segurança de prédios vizinhos flagraram policiais militares levando os pertences da vítima, logo após o assassinato, durante um assalto no Centro. A Polícia Rodoviária Federal já começou a fazer testes nas estradas do estado do Rio. As câmeras filmam sem interrupção e os policiais não têm acesso ao material. Toda a abordagem é gravada. Além de captar as imagens externas, o equipamento também grava todo o áudio dentro do próprio carro da polícia. Como uma espécie de caixa preta de avião, tudo o que os policiais conversam antes, durante e depois das abordagens é registrado, o que tem gerado polêmica. "Ela entra na privacidade do trabalho policial, porque está generalizando, está classificando todos como criminosos quando na realidade a maioria não pratica crime. Policial vai se sentir fiscalizado, afrontado, agredido na sua integridade moral", disse Wanderley Ribeiro, da Associação de Cabos e Soldados, PM-RJ. Para Paulo Scorani, ex-sub comandante do Bope, o equipamento pode aumentar a segurança da população e dos próprios PMs. "É a polícia estar vigiando, a sociedade estar vigiando o trabalho do seu policial que eu não vejo nenhum problema nisso, dentro de um principio democrático", disse. Pela nova lei, todo carro da polícia que for comprado, a partir de agora, deverá ter a câmera. Não existe um prazo definido para a instalação do equipamento nos veículos antigos. O Governo do Rio ainda estuda se vai recorrer, na Justiça, da decisão da Assembleia Legislativa.
Fonte: G1 - Rio.

100 carros da Polícia Militar circulam com câmeras de vigilância no Rio de Janeiro. 100 carros da Polícia Militar circulam com câmeras
de vigilância no Rio de Janeiro. Reviewed by Diogenes Bandeira on 20:35:00 Rating: 5

Nenhum comentário:

Pixel Segurança Eletrônica

Pixel Segurança Eletrônica
Tecnologia do Blogger.