∴ Diogenes Bandeira - Consultor de Segurança Eletrônica ∴

∴ Diogenes Bandeira - Consultor de Segurança Eletrônica ∴

Foragido escreveu relatório para justificar morte de PM.


Integrantes de uma quadrilha estariam produzindo relatórios informando às lideranças sobre os motivos das execuções de PMs. Policiais da 4ª Divecar (Delegacia de Investigações sobre Fraudes contra Seguros) do Deic (Departamento Estadual de Investigações Criminais) apreenderam documentos com esse conteúdo durante ação na tarde de ontem (27) em Itaquaquecetuba, na Grande São Paulo.
Os papéis estavam com o ajudante C.J.M.L., o “Juninho”, de 36 anos, foragido da Justiça e apontado como “torre” (gerente do crime) na região. Em um texto, com data de 9 de julho, encontrado pela equipe da 4ª Divecar, ele desenvolveu toda a narrativa para justificar o assassinato de um soldado. “Essa situação só ocorreu por o mesmo (PM) ter se aprezentado (sic) como polícia”, escreveu C.J.M.L.
Segundo o delegado Sérgio Alves, titular da 4ª Divecar, o ajudante estava foragido desde maio quando saiu do presídio de Valparaíso. “Cumpria pena por tráfico de drogas. Recebeu direito de sair da cadeia no Dia das Mães. Aproveitou o benefício para matar o policial e fugir”, disse o delegado. A equipe da 4ª Divecar realizava apurações em Itaquaquecetuba e recebeu informações sobre o fugitivo.
Os policiais detiveram C.J.M.L. na Avenida presidente Tancredo Neves, no bairro Estação. A equipe encontrou farta documentação na casa do foragido. “Contabilidade do tráfico, comunicados dos chefes da quadrilha e o relatório explicando os motivos da execução do PM”, comentou o delegado Sérgio Alves.
Alves explicou que o foragido foi autuado em flagrante por uso de documento falso. “Ele apresentou uma certidão de nascimento com outro nome", revelou o delegado.

Por: Maurício Rodrigues, da Assessoria de Comunicação do Deic
Foragido escreveu relatório para justificar morte de PM. Foragido escreveu relatório para justificar morte de PM. Reviewed by Diogenes Bandeira on 21:21:00 Rating: 5

Nenhum comentário:

Pixel Segurança Eletrônica

Pixel Segurança Eletrônica
Tecnologia do Blogger.