∴ Diogenes Bandeira - Consultor de Segurança Eletrônica ∴

∴ Diogenes Bandeira - Consultor de Segurança Eletrônica ∴

O que é FTTx.


Introdução FTTx
As redes de par metálico atualmente estão chegando ao seu limite máximo de capacidade de transmissão, e a evolução do mercado das telecomunicações mostra-nos que a necessidade de largura de banda vai crescer exponencialmente. Um dos limitantes é a distância de transmissão que, em elevadas taxas, restringem seu comprimento máximo e necessitam de equipamentos ativos na rede externa, sobrecarregando assim custos de operação e manutenção.

As pessoas, cada vez mais, estão utilizando a banda larga para consumir serviços “online”, e portanto, as tecnologias de infraestrutura segue otimizando serviços para atender a todos com comodidade e segurança.

FTTx, ou “Fiber to the x” é um termo genérico para uma arquitetura de rede de banda larga através de fibra óptica para substituir por completo ou parte do lance local de cabeamento metálico ou coaxial habitualmente utilizado para telecomunicações.

Uma rede óptica passiva (PON – Passive Optical Network) é uma rede ponto-multiponto onde a fibra chega até a rede do usuário final. É composta de divisores ópticos passivos que são utilizados para permitir que uma única fibra óptica atenda diversos usuários finais, variando entre 32 a 128. Uma configuração PON reduz a quantidade de fibra e equipamentos na central quando comparadas com as arquiteturas ponto a ponto.

Todas as aplicações finais que compartilham uma fibra recebem os sinais transmitidos pela central. Para os sinais que retornam dos pontos de acessos, os mesmos são combinados usando protocolo de múltiplo acesso.


Arquiteturas FTTx
Uma rede FTTx pode apresentar várias arquiteturas:
  • Fiber to the node (FTTN) – Fiber-to-the-node – ao sair da central, essa conexão liga-se à um armário de rua ‘’street cabinet’’ com a conexão final ao cliente sendo de cobre.
  • Fiber to the curb (FTTC) – onde a fibra vai até um armário na rua e a distribuição para os assinantes naquela vizinhança, tendo como meio o cabo coaxial ou o par de cobre.
  • Fiber to the home (FTTH), ou fibra até a residência do usuário final. A rede de acesso atinge primordialmente os usuários finais (residências, prédios, ERBs, etc.) Sua velocidade chega a 100Mbps (megabits por segundo).
  • Fiber to the building (FTTB), onde a fibra vai até o prédio e a distribuição para os assinantes são feitas através de uma rede Ethernet tendo como meio o cabo coaxial ou o par de cobre.
  • Fiber to the desktop (FTTD), onde a conexão de fibra é instalada a partir da principal sala de informática a um terminal ou fibra conversor de mídia perto da mesa do usuário.

Vantagens de uso de FTTx
  • Economia de energia;
  • Redução de consumo de PVC e cobre;
  • Não gera e não é afetado por EMI (interferência eletromagnética);
  • Conexões mais estáveis, uma vez que a fibra óptica transmite os dados com mais precisão e menos perda durante o percurso.


Conclusão FTTx
As redes ópticas de acesso já se tornaram realidade. São projetos de grande valor agregado e que demandam produtos e mão-de-obra especializados, mas que os profissionais ainda não se especializaram.

À medida que os governos tomam consciência e se preocupam cada vez mais com o aumento da qualidade de vida das suas populações, através do teletrabalho, telemedicina, teleaprendizagem, e de muitos outros serviços de educação e saúde, eles irão pressionar para a rápida implantação de Redes FTTx em todo país, pois, além da transmissão real de dados ser mais eficiente, é ainda mais segura.


Fonte: Redes & Cia.
O que é FTTx. O que é FTTx. Reviewed by Diogenes Bandeira on 07:21:00 Rating: 5

Nenhum comentário:

Pixel Segurança Eletrônica

Pixel Segurança Eletrônica
Tecnologia do Blogger.