∴ Diogenes Bandeira - Consultor de Segurança Eletrônica ∴

∴ Diogenes Bandeira - Consultor de Segurança Eletrônica ∴

ISC Brasil 2015: MicroWave 330 é a nova tecnologia de sensor para segurança perimetral.


MicroWave 330 é um sistema de detecção volumétrico de perímetro para aplicações em áreas abertas, portões, portas de entrada, muros e telhados. Com base na tecnologia de detecção por micro-ondas comprovada em campo da Southwest Microwave com o adiantado Processamento Digital de Sinal (DSP) discrimina entre as tentativas de intrusão e perturbações ambientais reduzindo os riscos no site e prevenindo alarmes falsos. A capacidades de interrogação do sistema permitem o monitoramento continuo do status de alarmes e tamper.

O sistema MicroWave 330 opera na frequência da banda K, atingindo um desempenho superior em relação aos sensores da banda X. Já que a banda K é 2,5 vezes mais elevada que a banda X, o sinal de via múltipla gerado por um intruso é mais focado e a detecção de intrusos que se movimentam lentamente é correspondentemente melhor. Na frequência da banda K, a unidade também apresenta uma baixa suscetibilidade à interferência externa de radares de aeroportos/portos ou de outros sistemas de micro-ondas. 

A largura do feixe da antena é aproximadamente 3,5 graus nos planos horizontal e vertical. Uma antena parabólica de verdade assegura uma operação de longo alcance, controle do feixe superior e zonas de Fresnel previsíveis. O projeto avançado do receptor aumenta a probabilidade de detecção ao emitir um alarme quando de uma interrupção parcial ou completa do feixe, aumento/diminuição no nível de sinal ou da interferência de outros transmissores. 

O modo de operação travada aperfeiçoa o controle de sensor do MicroWave 330. O conjunto de circuitos de sincronização em placa elimina a interferência externa e permite que múltiplos transceptores de MicroWave 330 e Southwest Microwave operem sem interferência mútua. Um modo alternativo de funcionamento livre apresenta canais de modulação com banda estreita de filtragem, evitando a interferência entre os sensores. As unidades podem ser empilhadas em qualquer modo para as aplicações de ultra-alta segurança. 

Como parte da nova geração da família INTREPID™, o MicroWave 330 conecta-se em rede contínua com o sensor de detecção para cerca MicroPoint™ II e o sensor de detecção por cabo enterrado MicroTrack™ II usando um protocolo de comunicações comum de arquitetura aberta.

Fale conosco no Expo Center Norte dias 10, 11 e 12 de Março de 2015 para saber mais acerca dos sistemas INTREPID ™ e da ampla gama de soluções para detecção de perímetro. Convidamos você a visitar nosso estande, onde podemos falar com mais detalhe de seus projetos e requisitos de segurança de perímetro. Para agendar uma reunião com antecedência, agradecerei me contate via e-mail para agendar um horário específico e poder responder às suas perguntas durante o show.

Um sistema típico inclui os sensores MicroWave 330 conectados em rede via interface de dados seriais RS422 usando um Controlador de Sistema universal INTREPID™. As entradas auxiliares ou as saídas de transmissão também podem ser integradas usando um Módulo de E/S INTREPID™. Uma rede de comunicações ponto a ponto distribui os dados entre os dispositivos de rede. 

Empregando algoritmos proprietários de processamento de sinal digital para as assinaturas exclusivas biestáticas de intrusos a pé, pulando ou rastejando pelo campo de detecção, oferece um desempenho ideal do local. Os alvos são classificados e avaliados em tempo real em cada sensor. Até mil eventos e alarmes são armazenados na memória flash do receptor. 

A detecção de intrusão, usando um sistema sensível de amplitude modulada (e não um Doppler), ocorre dentro do padrão invisível da energia de microondas existente entre o transmissor e o receptor. Mudanças na amplitude do sinal do receptor estão diretamente relacionadas ao tamanho e à densidade do objeto, permitindo que o sensor distinga-os entre os objetos. O sistema MicroWave 330 irá emitir um alarme sobre humanos de altura mediana que caminham, correm ou rastejam usando as mãos e os joelhos através do padrão. Ajustes de campo ou remotos podem oferecer um alarme para alvos menores, mais rápidos ou mais lentos, dependendo da aplicação específica. 

Os equipamentos eletrônicos montados na superfície e a antena parabólica do MicroWave 330 estão montados em uma base de metal resistente e estão cobertos por um dome de plástico ABS moldado para operação sob qualquer condição climática. A base giratória permite uma configuração precisa e proporciona um travamento firme contra o movimento.


Sergio Rivera
Gerente de Vendas America Latina
Southwest Microwave, Inc.
sergior@southwestmicrowave.com

Edição: Diogenes Bandeira - Consultor de Segurança Eletrônica.
ISC Brasil 2015: MicroWave 330 é a nova tecnologia de sensor para segurança perimetral. ISC Brasil 2015: MicroWave 330 é a nova tecnologia de sensor para segurança perimetral. Reviewed by Diogenes Bandeira on 01:10:00 Rating: 5

Nenhum comentário:

Pixel Segurança Eletrônica

Pixel Segurança Eletrônica
Tecnologia do Blogger.