∴ Diogenes Bandeira - Consultor de Segurança Eletrônica ∴

∴ Diogenes Bandeira - Consultor de Segurança Eletrônica ∴

Presença feminina muda perfil de delegacias gaúchas.


A delegada Andréa Nicotti conversa comum policial na delegacia de Taquara (RS). O número de delegadas na Polícia Civil do Rio Grande do Sul saltou de 14% para 27,6% depois que mais 66 mulheres entraram para a corporação em 2010. Hoje são 144 delegadas, segundo matéria do jornal "Zero Hora".
Por: Adriana Franciosi/Agência RBS.

Uma dura no investigador... rsrsrsrss.


Andréa Nicotti Gomes Ferreira, 25 anos, formada em direito é atual delegada plantonista de Taquara. Filha de André Garrastazu Gomes Ferreira (47) e Claúdia Ferreira Nicotti Gomes (47), é irmã de Rodrigo Nicotti Gomes Ferreira (24).


Conte sobre sua trajetória profissional? O que o motivou a entrar para a Polícia?
Advoguei e fui juíza leiga até 2009, quando passei no concurso para assessora jurídica da Procuradoria do Estado, onde trabalhei até me exonerar para assumir o cargo de delegada.  A escolha pela função policial ocorreu muito por acaso, já que prestei o concurso para delegada enquanto aguardava completar três anos de prática jurídica exigidos para demais cargos jurídicos (juiz, promotor, etc.).

Qual sua impressão de Taquara?
Minha função consiste em ficar 24 horas seguidas trabalhando, então eu não posso ressaltar outra coisa que mais me agradou em Taquara que não seja a receptividade e amizade com que as pessoas da cidade me acolheram.

Quais são suas principais características pessoais?
Sou sempre alegre, espontânea e dedicada.

O que gosta de fazer nas horas vagas?
Como nunca gostei muito de festas e academia, prefiro ficar em casa com minha família. Gosto de namorar e brincar com meus animais de estimação (três cadelas e um gato), torcer pelo Inter, estudar, assistir filmes e comer muito (risos).

Enfrentou algum preconceito exercendo esta profissão?
Desde o início, o fato de eu ser, além de mulher, muito jovem e atípica para o cargo, só trouxe incentivos e apoio de todas as partes.  A diferença causou mais empolgação e admiração do que preconceitos e críticas, pelo menos que eu saiba.

Qual sua maior preocupação com a violência?
Acredito que a maior parte dos crimes e violências está relacionada, de alguma forma, com a questão das drogas. Seja em razão do tráfico, que acaba por envolver uma série de outros delitos, seja em razão da crise de abstinência que leva um usuário a roubar para comprar mais drogas ou até mesmo o álcool que está por trás de muitos casos de violência doméstica.
O que a tira do sério?
Maldades com animais e falarem mal de quem eu amo.

Planos para o futuro?
Meus principais planos para o futuro sempre foram casar e constituir uma família, unida e feliz como a que me criou. Quero ter muitos filhos e animais de estimação num lar com muito amor.  Pretendo também ajudar cada vez mais os animais de rua.

Estilo musical: Rock alternativo e britpop. Bandas como Jet, Artic Monkeys, Beatles, Raul e Foo Fighters.

Prato predileto: Arroz, feijão, batata frita e também polenta frita.

Uma mania: Andar olhando para o chão, para não pisar nas formigas.

Uma qualidade: Alegria constante.
Um lugar: Adoro viajar para Orlando, na Flórida, e para as praias de Santa Catarina.
Deixe uma mensagem aos leitores do jornal.
Gostaria de lembrar a todos os leitores que, quando enfrentamos situações difíceis na nossa vida, recorremos a Deus e à polícia. Mesmo assim, pouco tempo depois a maioria das pessoas tende a esquecer de agradecer a Deus, bem como depreciar a polícia. Para que sejamos abençoados sempre e cada vez mais, além de devermos praticar o bem sem olhar a quem, não podemos jamais se esquecer de agradecer a quem nos ajuda nos momentos em que precisamos.

Fonte: Jornal Panorama.
Presença feminina muda perfil de delegacias gaúchas. Presença feminina muda perfil de delegacias gaúchas. Reviewed by Diogenes Bandeira on 21:38:00 Rating: 5

Nenhum comentário:

Pixel Segurança Eletrônica

Pixel Segurança Eletrônica
Tecnologia do Blogger.