∴ Diogenes Bandeira - Consultor de Segurança Eletrônica ∴

∴ Diogenes Bandeira - Consultor de Segurança Eletrônica ∴

Andar dentro de casa com o smartphone pode ser algo perigoso no futuro.


Andar dentro de casa com o smartphone pode ser algo perigoso no futuro, pois o aparelho conseguiria espionar todos os seus passos e, secretamente, fotografar os cômodos para mapear o local. Isso já é possível, graças a um aplicativo criado por militares norte-americanos.
O software identifica os melhores momentos e captura imagens sem que o dono do celular saiba. As fotografias ruins são automaticamente descartadas e as outras ajudam a compor um mosaico do ambiente, criando um modelo tridimencional da casa que pode ser acessado remotamente.
Chamado de PlaiceRaider, o app foi instalado em smartphones de 20 voluntários, que por um tempo foram monitorados à distância sem saber. Números de cheques, detalhes marcados em calendários e até informações de monitores de computador foram recolhidos.
O pesquisador Robert Templeman disse ao Daily Mail que o aplicativo funciona em qualquer dispositivo com Android 2.3. Ele grava horário, localização e orientações, baseando-se em sensores presentes na maioria dos smartphones modernos.
"Implementamos num Android por razões práticas, mas esperamos que esse tipo de malware se generalize para outras plataformas como iOS e Windows Phone", pontuou Templeman.
Os militares ofereceram várias soluções aos fabricantes para tentar evitar esse tipo de problema. Uma delas seria impedir que o som das câmeras seja desligado, assim os usuários sempre saberiam quando o aparelho capturasse imagens.

FONTE: Olhar Digital.
 
Andar dentro de casa com o smartphone pode ser algo perigoso no futuro. Andar dentro de casa com o smartphone pode ser algo perigoso no futuro. Reviewed by Diogenes Bandeira on 22:09:00 Rating: 5

Nenhum comentário:

Pixel Segurança Eletrônica

Pixel Segurança Eletrônica
Tecnologia do Blogger.